Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


O apoio possível!

por TM, em 04.11.04
Este post vai ser dedicado a duas pessoas que durante o último ano e pouco têm tentado fazer de mim uma pessoa mais culta, mais inteligente, ou seja, mais Homem no verdadeiro sentido da palavra, de pessoa realizada. Essas pessoas são o meu professor de Publicidade, Luís Rasquilha e professora de Sociologia, Rita Espanha! Neste momento não atravessam uma situação nada positiva. E porque? Porque não têm contrato assinado com a minha Universidade e estão na eminência de abandonarem o instituto.
Penso que nesta altura temos que ser coerentes. E claramente, ser coerente não é ameaçar não pagar a faculdade...mas alguém acredita que a Direcção se sinta pressionada por causa disso? Só quem acreditar, ainda, no Pai Natal...
Acho de bom grado que se demonstre o apoio aos professores, mas sempre com o sentido daquilo que se faz, pois não pagar a faculdade, ou melhor, ameaçar não pagar, porque no final todos pagam, e todos no dia 8 para não levaram multa, não é de forma alguma o caminho a seguir. Uma demonstração de força, ou de querer resolver os assuntos à força, faz normalmente com que ela se volte contra nós...mas ok, o Bush ganhou as eleições...
Apoio a tentativa de falar com a Direcção, de fazer manifestações e abaixos assinados, mesmo considerando que não teram efeitos práticos na decisão, o que é certo é que demonstram o apoio dos alunos ao corpo docente.
Confesso que tenho um carinho especial pelos dois professores, pois ambos cultivam uma relação de amizade com os alunos, o que torna as próprias disciplinas mais interessantes. Mesmo assim, confesso que sentiria mais a falta da minha Professora de Sociologia, amante, tal como eu, da 7ª arte, com um conhecimento vasto na matéria. Iria perder as únicas aulas em que falamos de cinema, coisa com que tenho forte ligação, e iria perder alguém que consegue transformar uma máteria já de si chata, em algo suportável e até passível de aceitação e que poderá suscitar interesse.
Mas obviamente, também o meu professor de Publicidade, por ser um "crânio" da matéria, seria uma perda enorme, não insubstituível, pois como se costuma dizer, de pessoas insubstituíveis está o cemitério cheio, mas alguém de gosta de dar aulas, que torna as aulas interessantes e que sabe do assunto como ninguém!
Neste momento mais do que dizer que não pago as propinas, que vou protestar com a direcção, que vou falar do caso para a TV ou que vou fazer manifestações, acho essêncial dar o meu apoio total a estas duas pessoas com quem tenho convivido durante o último ano e espero continuar a conviver! Porque para sermos os melhores temos que ser ensinados pelos melhores...
A eles o meu agradecimento pelos conhecimentos transmitidos, pelos bons momentos vividos e pela relação de amizade professor/aluno que foi criada! Aos dois desejo as melhores felicidades, dentro ou fora do INP, porque a honra e o orgulho não se compram nem ensinam nas Universidades, ou se nasce com eles ou então não se consegue ter!

PS: Destacar também o facto de mesmo já estando a passar por esta situação à algum tempo, nunca o terem deixado transparecer para nós, alunos, pois a boa disposição só era mesmo afectada pelo mau comportamento geral da turma... mais uma demonstração da dimensão das pessoas em questão!

Saudações Académicas

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 01:03


6 Comentários

De Rita Espanha a 06.11.2004 às 15:06

Então a matéria que eu dou é chata!!!!?????

Obrigada.
Não vou esquecer este post.

De Tiago anto a 05.11.2004 às 16:34

Desculpem mas depois de lêr os comentários nao posso deixar de voltar a comentar! Nunca uma geração de jovens foi tão conformista como esta. Ontem tive um jantar da juventude partidária a que pertenço, nesse jantar ouvi actos heroicos descrevidos com a humildade que se reconheçe às grandes figuras. Se alguns desses jovens em 76, não morreram devem-no às forças militarizadas da PSP. Fizeram-no porque lutaram por aquilo que achavam que valia a pena.
O Professor Adelino Amaro da Costa, uma referência para mim disse um dia: "A juventude não é instalada!"
Passados 30 anos será que esta geração de jovens conssegue ter preocupações para além de jogar CM e sair à noite?
Se não concordam com o k fazemos quais são as soluções que preconizam? Acham que não devemos fazer nada? Acham que os estudantes não se devem preocupar com a gestão dos seus estabelecimentso de ensino?

De Rui Costa a 04.11.2004 às 23:55

Bom, eu partilho da mesma opinião que o Máximo, acho a atitude de não pagar a mensalidade uma parvoíce. Não faz sentido nós deixarmos de pagar porque isso só vai dar mais força à direcção do INP, acabamos por não pressionar ninguem, senão... nós próprios e os professores! É sinal que a situação está na corda bamba, que está prestes a dar para o torto e nós só estamos a ajudar com esta atitude. Toda a gente vai pagar até dia 8, incluíndo eu, e se não pagarmos iremos levar a respectiva multa, não tenham dúvidas. Devo também expressar o meu apoio a estes dois professores, Luís Rasquilha e Rita Espanha, não só pelo profissionalismo que têm dado ao INP ao longo destes anos, mas também pela sua qualidade como docentes mas, como o Máximo disse, principalmente como pessoas, exactamente pela relação que ambos criaram com os alunos. É nisso que o INP é conhecido, é nisso que o nosso nome tem peso, é disso que fez com que muitos de nós escolhessem este instituto, pelo seu ambiente, ou falando em "futebolês", a tal mística.

Não façam nada de absurdo. Como já deu para perceber, as coisas para melhorarem não são certamente com o nosso contributo. É natural que estejam todos preocupados com o nosso futuro, eu também estou, mas acho que este é assunto é, para já, para ser resolvido entre a Direcção do INP e os docentes em causa. Depois de alguma decisão tomada aí nós poderemos e até deveremos intervir. Até lá... o melhor que temos a fazer é esperar.

Academic saudations

De ORDENADO de 6.100 EUROS ms, "CIMA-DA-MESA", para Presidentes de JUNTA, Tesoureiros e Secretrios. a 04.11.2004 às 21:02


---------------------------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------
Vê no final quem te envia isto em “ENVIADO POR” e DIVULGA A MENSAGEM DOS 6.100 na tua FREGUESIA:
---------------------------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------
.
.
ÚLTIMA HORA (30.10.04):…. Aluno Universitário MORTO DURANTE AS PRAXES!?.... “jovem aluno de Arquitectura foi ESPANCADO ATÉ À MORTE, por razões …. ”;
.
“Pergunta-se: será que ninguém, das REITORIA (EU: Reitores, Vices-Reitores, Presidentes de Escola, Directores de Cursos, Associações de Estudantes, etc, deviam comer com PROCESSOS CRIME) ao Governo, será capaz de colocar um ponto final na livre actuação desta gente que pouco mais merece do que o epíteto de javardos?” in “As riquezas da nação”, Público OnLine, 30.10.04, http://ultimahora.publico.pt/shownews.asp?id=1207134
.
.
.
PARABÉNS PELA TUA EXISTÊNCIA e BOA SORTE se fores uma Pessoa IGUAL (=) OU MAIOR QUE (>) NORMAL.. Se fores MENOR QUE (<) normal, boa morte. É justo.
.
.
.
? Sabem quem é que FEZ 1 ANINHO DE VIDA no dia 13,14 de Setembro de 2oo4 ?
.
? Não sabem !?
.
.
Foi a JOVEM DEMOCRACIA Portuguesa !
.
.
Ver: “A Jovem Democracia Portuguesa faz hoje 1 aninho de Vida. Parabéns pequenita.”,
.
dia 13 de Setembro de 2oo4, no Blog “Eu Não Desisto”, http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt .
.
.
.
? Sabem que há DOIS ILUSTRES PORTUGUESES, JOSÉ SARAMAGO (Escritor e Prémio Nobel) e JORGE SAMPAIO (Presidente da República Portuguesa, que só pode estar no cargo 10 anos, enquanto que o outro Presidente, o Alberto João Jardim da Madeira pode lá estar 48 anos)
.
.
que querem que o PRIMEIRO REI DE PORTUGAL, o Dom Afonso Henriques, RESSUSCITE (!?!?!) para COMEÇAR TUDO DE NOVO (!?!?!?!) ?
.
Ver: Ver: “SARAMAGO e SAMPAIO GOSTAVAM DE RESSUSCITAR PRIMEIRO REI”, 13.10.04 in http://tsf.sapo.pt/online/portugal/interior.asp?id_artigo=TSF154993
.
.
?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!?!
.
.
Coitados.
.
.
NÃO DEVEM SABER DO NASCIMENTO DA PEQUENITA Jovem Democracia Portuguesa no dia 13,14 de Setembro de 2oo3 ( 30 anos depois de 1973 )!!!!!!!!!!!!!!!.
.
.
Alguém que lhes diga. E LEMBREM-LOS QUE, num ano, é UM BOCADINHO DIFÍCIL, mas não impossível, VENCER 900 ANOS (novecentos) de PARASITISMO. Que tenham um BOCADINHO DE PACIÊNCIA, que isto vai. DEVAGAR, MAS VAI!
.
Por exemplo. ESTA VALE OURO. Outra Vez: ESTA VALE OURO. "LIMPEZA NOS FICHEIROS DA SAÚDE detecta 400 MIL (400.000) FALSOS UTENTES" in http://ultimahora.publico.pt/shownews.asp?id=1206833&idCanal=62
.
Ou seja. Uma SIMPLES ---- BASE DE DADOS ---- em pouquíssimos meses, FORMOU cerca de 4.000 (quatro mil) “NOVOS” MÉDICOS. Coisa que todas as Universidades Portuguesas NÃO CONSEGUEM EM 5 (cinco) ou 10 (dez) anos. Sabendo que o CUSTO ANUAL na FORMAÇÃO de um Médico são MILHARES DE CONTOS, POR ANO, façam as continhas DA 4ª (quarta) classe e ……..
,
.
.
.
José da Silva Maurício
.
mauricio_102@sapo.pt
.
http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt
.
.
.
.
Ah. JÁ ME ESQUECIA!
.
.
.
ALGUMAS PRENDAS ( entre MILHARES ) que a Sociedade Civil LHE PODE DAR:
.
.
1 – TERMINAR AS PRAXES
.
nas Universidades e Institutos Politécnicos PÚBLICOS e NÃO PÚBLICOS. É que há muitos Praxadores (são 70% dos que PraXam) que SÃO AUTÊNTICOS CRIMINOSOS/AS e ninguém controla esses Fi-Lhos-Da-Puta.
.
.
.
2 – LIBERTAREM DOIS (2) dos maiores ESCRAVOS nacionais HÁ 28 anos:
.
MESQUITA MACHADO, do PS - Partido Socialista - , Presidente da sua Câmara Municipal de BRAGA, há 28 (?!?!?!) anos, e ALBERTO JOÃO JARDIM, do PSD – Partido Social Democrata -, Presidente do Governo Regional da sua MADEIRA, há 28 (?!?!?!) anos.
.
.
QUEBRA-CABEÇAS: ……. Regra de 3 SIMPLES:
.
Se a MADEIRA, com 230.000 (duzentos e trinta mil) ELEITORES, tem ( 68 + 5 ) = 73 DEPUTADOS,
.
e o CONTINENTE (sem Madeira e sem Açores) tem 8.500.000 (oito milhões e quinhentos mil) ELEITORES, quantos DEPUTADOS DEVIA TER O CONTINENTE ?
.
.
Nota: Nos AÇORES é 190.000 (cento e noventa mil) ELEITORES e (52 + 5) = 57 Deputados.
.
.
.
.
3 – E agora a MUITO MUITO MUITO IMPORTANTE porque, entre muitíssimas vantagens para a Sociedade, ELES SÃO ….
.
.
““as Juntas de Freguesia são O PRIMEIRO PILAR DA GOVERNAÇÃO do país” ” ……………………… O RESTO SÃO CANTIGAS "DO BANDIDO"
.
.
.
“Não podemos esquecer que as Juntas de Freguesia SÃO A PRIMEIRA PORTA ONDE OS CIDADÃOS VÃO BATER QUANDO TÊM problemas concretos para resolver ou reivindicações a apresentar. …… “
.
.
Ver: “Governante apela à cooperação entre Juntas e Câmaras”, Jornal Correio do Minho, 19.10.04 ou em http://www.correiodominho.com/noticia.ler.php?SD=24&IDTema=7&ID=20776
.
.
UFA!!! UFA!! UFA!! Vá lá que este Governante ABRIU OS ÓLHOS trinta (30) anos depois do 25 de Abril de 74.
.
.
TOP SECRET: Assim CAMINHAMOS A PASSOS LARGOS PARA CALAR os Milhares e Milhares de PSEUDO-Intelectuais (Vulgo: ALDRABÕES e HIPÓCRITAS) que existem em Portugal. Depois É FACÍLIMO TRABALHAR BEM.
.
.
.
.
E a MENSAGEM A DIVULGAR É (Nota: Divulgar isto é 1.000 (mil) vezes mais fácil do que Emprestar SANGUE e / ou Emprestar MEDULA):






De Tiago Martins a 04.11.2004 às 20:44

N me vou alongar mt!
Hj dp de apresentar o meu trab de sociologia, e dp de mt dos colegas terem saido da sala, apercebi-me de várias coisas. Os alunos parece q estão a fazer disto um problema exclusivo deles qd no entanto pode haver alguns prof bem mais prejuducados.
Fico triste por ver algum tipo de reacções q considero menos inteligentes.
Porém espero (apesar de acreditar pouco) q esta situação se resolva favoravelmente aos nossos estimados prof, e q tudo o q os alunos façam não seja contra-producente (assim espero)!
Aconteça o q acontecer desejo mtas felicidades aos prof e principalmente a uma prof q confesso q apesar de n gostar mt dela ao principio, hj é talvez uma das q eu mais aprecio (vcs sabem de quem é eu estou a falar)!!

De Tiago Anto a 04.11.2004 às 16:53

Com leitor do blog e aluno da turma não posso deixar de comentar este post. E desde logo tenho de fazer alguns reparos. E lanço-vos um desfio! Pensem numa grande instituição, (diferente de uma instituição rica). Em diversas áreas há instituições que se distinguem das outras. Agora pensem por exemplo numa Universidade Católica, por exemplo. Agora imaginem que a direcção dessa Universidade decidia reduzir os salários do Corpo Docente, ou fazer alterações significativas na sua composição... Pois é, parece k ñ dá para imaginar tal coisa ñ é? Qualquer bom administrador tem consciência que o mais importantes de uma instituição são as pessoas que com ela lidam diariamente. Quem faz o INP são os seus alunos, os seus professores, os seus funcionários. Todos! Não é possível manter uma instituição de ensino mudando as instalações, despedindo funcionários e reprimindo alunos. Não ponho a questão em serem estes ou outros professores, pelos vistos são todos que estão em causa. Querem baixar salários? Querem despedir? E se os professores não aceitarem as novas condições? Vêm outros que aceitem? Mesmo que tenham qualidade inferior? Não me parece k as propinas sejam assim tão baixas que justifiquem tal medida.
Perante estas intenções digo com toda a convicção, a actual direcção do INP é Prepotente e incompetente! Prepotente porque se acha capaz de fazer o que quiser como quiser e passando por cima de quem quiser. Incompetente porque desconhece o significado de uma palavra “reconhecimento”. Reconhecimento por quem ao longo de anos serviu o INP.
Quanto aos alunos admito que a reacção tenha sido algo exagerada, mas compreendo a revolta que também eu sinto, e defendo que temos de fazer alguma coisa, porque se não dermos sinais de força agora, as coisas irão piorar. Ouvi a alguém no INP há alguns meses dizer “se os alunos soubessem o que se está a passar a casa vinha abaixo” entre rumores e mais rumores, entre os quais até o de que o curso de RPP irar ser extinto a médio prazo, uma certeza me fica, é importante que os alunos mostrem que sabem o que querem. O INP só vive com alunos e disso não tenho dúvidas, sem alunos ñ há dinheiro, não há sequer razão de existir. Assim saibamos ser razoáveis e estar unidos. Penso que esta sim é uma causa que se justifica.
Para aqueles que ainda não perceberam a verdadeira situação deixo aqui uma declaração proferida pelo director do INP. “Não se preocupem, em último caso até podemos recorrer a professores do ISG para darem aulas aos alunos do INP”
Para terminar deixo aqui a dedicatória do Professor Luís Rasquilha no seu livro GESTÃO DA COMUNICAÇÃO
“Ao meu amigo e professor Dr. Américo Ramalho
Ao INP – Instituto Superior de Novas Profissões
À minha família
Aos meus colegas, alunos e amigos”

Luís Rasquilha

Comentar Post



"What they did to me... What I am... Can't be undone!"


calendário

Novembro 2004

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930